Thomas Nelson vende livros porta a porta no Nordeste

Em uma estratégia diferente da adotada por grande parte do mercado editorial, que está dando atenção especial ao comércio eletrônico, a editora de obras religiosas Thomas Nelson, do grupo Ediouro, montou uma equipe com 500 revendedores para vender livros porta a porta no Norte e Nordeste do país. E, nos próximos meses, levará esse modelo para Luanda e Moçambique, ambas na África. A estratégia de vender diretamente ao cliente foi iniciada há cinco meses e já impulsionou significativamente o desempenho no Norte e Nordeste. Hoje, essas duas regiões representam 60% do faturamento da Thomas Nelson contra menos de 10% no ano passado. Até então, as vendas eram feitas em livrarias tradicionais. A receita bruta mensal da editora varia de R$ 1,5 milhão a R$ 2 milhões.

Fonte: Valor Econômico por Beth Koike

ABDL

ABDL

Associação Brasileira de Difusão do Livro, fundada em 27 de outubro de 1987 é uma entidade sem fins lucrativos, que congrega o setor chamado porta a porta, ou venda direta (fora internet).

Compartilhar

Usamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência.