Bienal, sempre uma festa

Com a graça e a pompa de sempre, teve início nesta quinta (10/9) a Bienal Internacional do Livro do Rio. Autoridades, convidados, autores nacionais e estrangeiros e o povo do livro, vindo de várias partes do País, estavam lá. Por 11 dias, uma vasta e convidativa programação reunirá autores nacionais e estrangeiros na grande celebração do ano para o livro. Charme e paixão à parte, bienais e feiras de livros têm muitas serventias. A primeira delas é que durante seu período de funcionamento a mídia e os formadores de opinião chamam a atenção da Nação para a importância do livro e da leitura na vida das pessoas e da sociedade. Mas esses eventos também dão, de certa forma, acesso aos livros a uma fatia da população. E também funcionam como gigantescas livrarias, onde os compradores em potencial encontram aquilo que, no dia a dia, não conseguem achar nem nas maiores e melhores casas do ramo.
Por essas e tantas outras razões, elas valem muito a pena.

Fonte: Galeno Amorim

ABDL

ABDL

Associação Brasileira de Difusão do Livro, fundada em 27 de outubro de 1987 é uma entidade sem fins lucrativos, que congrega o setor chamado porta a porta, ou venda direta (fora internet).

Compartilhar

Usamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência.